12 dezembro, 2005

Santana,matematicamente vergonhoso!


Não há maneira do treinador do Santana descolar, não do último lugar, mas da sua vontade intrínseca de não deixar o Santana. E ninguém o manda embora!
O Mourinho madeirense, técnico da nova geração, é mesmo revolucionário em termos futebolísticos. Não consegue ganhar jogos mas foi sempre dizendo (sim porque agora anda de bico calado) que mat€máticam€nt€ podia subir. Os €€€ são colocados de propósito, por ser a única coisa que ele possa ver subir…no contrato. Também me confirmaram que geograficamente é possível subir: até ao Pico Ruivo, claro!
O homem deve ser mesmo obcecado pela subida de divisão. Se ainda pensa da mesma maneira, dou-lhe um conselho: escreva ao Pai Natal e peça-lhe para treinar a A.D. Machico, assim talvez fique mais perto da subida, e de casa também! Nem precisa de pedir licença ao clube actual (se é que ainda é treinador) porque o seu patrão é o GR, bastando para isso transferir também o destacamento como professor.

Já me constou que, a exemplo do seu “homologo” do Chelsea, o nosso Mourinho também vai ser contemplado com uma estátua. Esta não será de cera porque a fábrica só tem cera para velas (as das promessas que os sócios do Santana vão pagar pela subida de divisão). Assim, a estátua será construída de restolho, que é mais típico e abundante em Santana. A data prevista para a inauguração será na próxima festa dos compadres, não tendo sido ainda escolhido o pedestal para acolher tão nobre escultura que, na falta de um museu... de restolho, poderá ser colocada num dos seguintes locais: na esfera armilar junto da Câmara Municipal, o maior "accionista" do clube, ou pendurada num poste de iluminação pública próximo da sede do clube, conforme manda a tradição daquela festa.

Aparte esta estória, o registo da vergonha, má educação e falta de respeito pela camisola que veste, foi ver o jogador do Santana, de seu nome Ludgero Silveira, no jogo de domingo contra o Montijo. A copiar Cristiano Ronaldo, não pelo que jogou, mas pelo acto de má educação que teve, o homem não foi de modas e puxou dos dedos médios para se exibir ao pior nível: virou-se para a assistência da sua equipa e dirigiu-lhes um par de manguitos!
A culpa é do clube que lhe paga. Será que por causa do block out decretado, eles tem que comunicar gestualmente desta forma?
Até podem subir de divisão, mas com jogadores destes já desceram.
Não me parece que seja só falta de sorte para justificar o estado actual do clube e continuo a questionar: tá todo louco ou quê?

Sem comentários: