17 março, 2006

Atentado a Norte!

Conforme denuncia hoje o DN a "Ribeira da Metade no Faial é vazadouro clandestino de obra do GR.
O entulho extraído do desaterro nas obras do Campo de Futebol do Porto da Cruz é depositado num vazadouro ilegal a montante da Ribeira da Metade no Faial..."
O mais caricato da situação é que nunca ninguém sabe de nada. Nem sequer quem tem competência para mandar parar tamanho atentado. A CMS empurra para a Hdráulica:
"...O DIÁRIO confrontou o presidente da Câmara Municipal de Santana sobre a legalidade deste vazadouro. Carlos Pereira reconhece que a autarquia não emitiu qualquer licença de localização para exploração daquela actividade. Sobre a legalidade, remeteu-nos para os Serviços Hidráulicos da SREST, entidade com a jurisdição da área das ribeiras..."
A Direcção regional do Ambiente empurra para a Câmara:
"...Questionado pelo DIÁRIO sobre o motivo pelo qual, não havendo licença, a exploração não recebeu ainda ordem de embargo, Domingos Abreu lamentou «não ter ainda esse arsenal jurídico», cuja competência é exclusiva das câmaras municipais. «Não temos paciência nem capacidade, dada a nossa realidade para tolerar isto», disse, apelando a uma concertação de esforços: «Também era bom que outras entidades, com competência na matéria, nomeadamente aquelas que podem embargar, que actuem..."
TUDO VISTO!

Sem comentários: