19 maio, 2006

Ora bolas...no passeio!

Estrada Regional 101 - via expresso ligação Santana/Ribeira de S. Jorge, junto ao restaurante "Bragados" e "Fonte do Norte" o passeio "pariu" bolas como se pode ver nas fotografias.
Já não bastava a largura do passeio ser exigua, com a agravante de terem colocado, também em cima do mesmo, os postes de iluminação, agora surge, não sabemos por alma de quem, a "plantação" de bolas de "cimento armado"a dificultar a passagem dos transeuntes.
Quem plantou, ou mandar plantar tais bolas, não pensou certamente na dificuladade que terá, por exemplo, um deficiente em cadeira de rodas ou uma mãe com um carrinho de bébe em caminhar no dito passeio por entre postes e bolas! Só mesmo fazendo uma gincana para não correr o risco de serem atropelados (veja-se por exemplo na 1ª foto o espaço existente entre o poste e a bola)!
Se era para evitar o estacionamento abusivo em cima do passeio, bastava que as autoridades policiais actuassem em conformidade, pois tal já é proibido por lei.
Só mesmo nesta santa terra de Santana! E ninguém bufa!

10 comentários:

Anónimo disse...

Isto é a pura Santana no seu verdadeiro sentido de sub-desenvolvimento. Quem manda em Santana não são os que lá estão. Isto é o exemplo das muitas vergonhas que lá se passam.
Incrivel como se deixa entupir um passeio que tem apenas 1/2 metro!!!!
Acho que o Beraddes nem devia denunciar estas vergonhas, quem deveria denunciá-las eram os responsáveis autarcas.
Tenho dito e bom fim de semana.
Mais um anónimo, pois claro senão...

Anónimo disse...

infelizmente também constatei a cena, há dois dias atrás! Só mesmo em Santana! Ao ponto que chega a inveja!
bom fim de semana ao berdades e um alerta aos peões para não "jogarem" à bola sem querer!

Anónimo disse...

Parece que a doença das bolas já passou para o outro lado da estrada!
Afinal isto é uma praga!
Mandem chamar a autoridade nem que seja ao Funchal!
Onde é que já se viu uma coisa destas? Nem na Africa. Pudera, não têm bolas de borracha quanto mais de cimento.
Um jogador de bolas

Anónimo disse...

Santana no seu melhor, o que precisamos aqui é de gente com "bolas", para ver se colocamos estas cabeças pensadores a andar. Se calhar a Câmara nem sabia disto, é normal nunca sabem de nada, até aquele prédio para fazer sombra às cabines telefónicas foi aprovado no Funchal...mas ficou bem integrado, parece um "orelhão" como dizem os brasileiros. E gosto especiamente do primeiro comentário onde diz "Mais um anónimo, pois claro senão...", sobre isso só tenho a dizer: Mais um anónimo, pois claro senão. LdV

Anónimo disse...

Esta è realmente uma via "expresso" cheia de excentricidades, não bastava a deminuta largura dos passeios, exiguidade das paragens de autocarro, agora bolas, francamente. Questão que se coloca não é saber se poder politico local,já reparou nestes pormenores da via expresso, a ideia que ficamos é que talvez nem saibam que a via expresso existe, ou pior ainda se Santana realmente existe......

Anónimo disse...

Quanto à questão das bolas colocadas no exíguo passeio é caso para lembrar aos que governam a Cidade de Santana que, ao não se aperceberem deste e de outros casos que proliferam por aí, devem andar a leste do Paraíso ou então a gozar dos eleitores que os elegeram.
Cuidado! A justiça tarda mas não falha.

Anónimo disse...

entao voces ainda nao viram?! se a autarquia ainda não se manisfestou, se calhar a disposição de tanta bola terá tido a ver com as provas desportivas de abertura das festividades do concelho...! ....e como o futebol e o que está a dar...!

Anónimo disse...

ja pararam para pensar se tinhamos uma promenade a beira da via expresso? se calhar iriao buscar os Pot(o)es da fonte do fulano para lá plantarem e aposto que os que lá mandam nem dariam por ela! força c'as berdades!

J. Carmo disse...

Bom vou colocar aqui o meu comentário acerca desta temática, pois nao deixa de ser vergonhoso mas suponho ser uma forma de acabar com as reclamaçoes constantes de vizinhos invejosos pelo sucesso do trabalho de outros.
Mas julgo que não era por aqui que era a soluçao ideal.
Se fosse junto a um Restaurante dos amigos do Sistema de certeza que se ignorava as frequentes reclamaçoes, o que no meu entender era o mais adequado.
Está a me lembrar por exemplo no novo Bar que deverá abrir em breve junto a Camara o que vão clocar ali?
Mas claro se ouver alguém importante a reclamar, porque voz de burro nao chega a lado nenhum.
E por falar em importante a dias no Arco de s. Jorge foi estacionado uma viatura do meu patrao por minutos em cima duma linha amarela dessas caprichosas a gosto do Fraguês e momentos depois ja tocavam chamadas telefonicas em tudo quanto era chefia para afastar a devida viatura junta a casa do pai da Exª Sra Juiza.

e esta !

Lembram-se quem dizia esta Frase

J. Carmo disse...

Por Favor continuem a comentar mas pelo Amor de Deus Identifiquen-se