04 junho, 2006

Futebol da freguesia.

Inserido nas comerações dos 442 anos da freguesia de Santana, o jogo de futebol em veteranos, disputado ontem entre a U.D. Santana e Canicense. Desta vez a reportagem do Berdades ficou-se pelo banco de suplentes, com imagens legendadas, já que o resultado, ao fim de não sei quanto tempo, foi um nulo.
1 - Os lesionados: mas sempre presentes, mas agora no apoio técnico e cada qual virado para os seus! Por este andar qualquer dia teremos um treinador para cada jogador.
2 - Um banco de luxo: a começar pelo Sr. deputado que, sendo da direita, sentou-se logo à esquerda do mesmo. Acompanhavam-no um funcionário público, um farmaceutico, um policia, um jogador de verdade (Néné) e um motorista tipico do Monte (carreiro).
3 - Segunda parte: tudo alterado, já com os responsáveis autarcas sentados no banco. Pudera, não haviam troféus para entregar nem congressos para assistir! A pose do costume para a "imprensa", de um "colega" de informação, o rapaz é um peste, pediu para ser substituido assim que soube que havia reportagem no banco, só para ser apanhado pela objectiva do Berdades.
4 - O Presidente (da freguesia e do nucleo de veteranos): substituído ao intervalo ainda teve que acumular com as funções de massagista. A pronta intervenção não serviu de nada, pois a corrida a passo fez com que o aleijado se levantasse e continuasse em campo. Nem serviu para tempo de compensação, pois o árbitro já lhe cheirava a espetada.
5 - A aflição e o nervoso: após um remate do adversário à trave, não era para menos. Só Deus sabe o que custa ser mister!

2 comentários:

Anónimo disse...

Uns quando não podem, viram treinadores, outros passam a blogistas e a fotógrafos, será?

Anónimo disse...

Pois é! E a desforra dele são as unhas encravadas! Mas também jogava pouco. Pudera, com a idade que já tem! Cuitado do compadre Jodé, ainda muito se arrasta.