11 julho, 2006

Anonimato tem limites.

Nunca é demais lembrar a "navegação" que o Berdades não tolera faltas de respeito, má educação, obscenidades e ofensas pessoais (a quem quer que seja), seja a que titulo for, conforme tem verificado nalguns comentários que vão chegando à caixa de correio, pelo que reserva-se o direito de não publicá-los sempre que extravazem tais limites, vendo-se mesmo obrigado, de futuro, não publicar comentários anónimos, pese embora seja conhecida a origem de muitos deles.

3 comentários:

Anónimo disse...

Sr. Berdades concordo plenamente com a sua observação em relação aos comentários anónimos, pois também nãs acho correcto que os comentaristas a coberto do anonimato, utilizem linguagem menos própria.
Quanto não publicação dos comentários anónimos, acho que seria a morte do blog. pois ele não só importante pelas notícias, factos e críticas, que apresenta, mas também pela participação de muitos com os seus comentários.
Eu também escrevo a coberto do anónimato, porque na sociedade actual é mais cómodo e mais confortável assim. o clima de medo e a persiguição política, social e profissional estão na mente de cada um. Isto é o espelho dos 30 anos de democracia da madeira nova, onde a liberdade e a individualidade de cada um ,não são respeitadas.
Para terminar, sr Blogista, está de parabens com este espaço, pois é através dele que muitos sem palavra, conseguem expressar a sua opinião. Pense nisto antes de tomar qualquer iniciativa.
UM ABRAÇO para todos aqueles que participam.

O PROFETA DO AREAL.

Victor Vieira disse...

Caro Berdades, o anonimato tem levado a que muitas pessoas, quer ligadas à escola quer ligadas a outros sectores, a dizer o que pensam. Se assim não fosse, ou seja, identificando-se, talvez o não fizessem por "medo" de lhes ser apontado o dedo ou com receio de represálias, seja lá isso o que for.
Concordo plenamente consigo quanto ao teor menos próprio que possa surgir, por vezes a roçar a ofensa pessoal. Nesses caso mais vale as pessoas nem se manifestarem. Seria mais adequado e corajoso manifestarem-se pessoal a quem de direito. Mas compreende-se que algumas pessoas tenham ficado ofendidas com certas atitudes tomadas por pessoas envolvidas nestas eleições "quentes" - a acreditar naquilo que se ouviu dizer sobre a campanha decorrida.
As coisas aconteceram, agora é esperar pelo desfecho. Tenham a dignidade de manifestar opiniões sem atacar bons profissionais que temos na nossa escola. Até prova em contrário somos todos inocentes, mas não ingénuos.
Parabéns pelo blog e pela oportunidade.

Alexandre Mendonça disse...

eu já estava à espera de encontrar algo deste género neste blog, onde casos são expostos e muitos querem concordar, ou não, mas não o podem fazer mostrando quem são. Mesmo o compadre sabendo quem são os anónimos, qual o medo de dizerem quem sao?? de darem a cara?? não vivemos numa democracia?? Digo eu?!? até a democracia tem as suas falhas. mas será que vivemos num lugar em que para se concordar ou discordar de alguma coisa temos que ficar no anonimato e mais grave que é o que fala o compadre, usar o insulto como argumento?? isso é coisa de gente mesquinha, de gente que sabe que não tem razão.. por isso acho que todos quantos veem e comentam o blog são homenzinhos para dar o nome, pelo menos se querem ser mal educados mostrem-se. não usem o anonimato como arma, porque tal como o compadre diz que vos rejeitará os comentários, também ninguém irá querer saber deles..