06 setembro, 2006

Sondagem Berdadeira.

Num universo de 114 votantes, visitantes do Berdades e que desde já se agradece, eis o resultado da sondagem on-line lançada pelo Berdades, sobre a possibilidade da criação de um clube único em Santana.
Clube único em Santana. Que acha?
Boa ideia - 23% (26)
Má ideia - 65% (74)
Não sei - 12% (14)
A par desta sondagem foi também lançado o repto aos visitantes do Berdades para um debate sobre o mesmo assunto, cujo post foi colocado em 26/7/06, intitulado Clube Único, o qual também teve muita adesão, pois verificaram-se 29 comentários, muitos deles bem elaborados.
Esperemos deste modo ter contribuído para um melhor esclarecimento de uma evental decisão sobre o futuro dos clubes de Santana.

6 comentários:

R.M. disse...

Efectivamente o debate e inquérito neste blogue é um contributo, mas muito há a fazer. Acho que as pessoas responsáveis deviam sentar-se à mesa e discutir sériamente a questão e não andarem a fazerem juizos de valor. Não concordo or exemplo que hajam 2 clubes a praticarem a "mesma" modalidade - futebol e futsal - é incompativel, pois divide os atletas.
Parabéns ao Berdades por "discutir" estas questões que são muito beneficas.
Um abraço e bem haja.

C. Fernandes disse...

A sondagem revela o que realmente pensa o povo de Santana: Má ideia unir os clubes.
Concordo no entanto com o que diz o comentário de R.M. quando diz que se devm sentar à mesa os responsáveis dos clubes.
Parabéns pelo blogue e continue com a berdades.

Anónimo disse...

Nao questiono o valor da sondagem...
Mas também nao aceito que alguém diga que "... é o que pensa o povo..", aliás até considero esta frase ofensiva, ou pensam que o povo são todos mentecaptos sem capacidade racioncínio.
Vejamos uma coisa, este blog ao qual dou os parabéns, ao seu promotor e autor, é muito visitado pelos administradores dos clubes e muito poucas "outras" pessoas.
Se querem uma sondagem, vão lá ás familias de Santana, que pertencem ao POVO, expliquem os factos como por exmplo:
a) quanto custa cada clube?
b) vantagens reais obtidas com estes clubes;
c) que vantagens poderíamos ter com um clube único, eventualmente gastando MENOS;
Depois perguntem se preferem um único clube ou mais? (por exmplo: um clube por modalidade... ehehe!)
Aí sim, verão qual vai ser a resposta.
Portanto, nunca refiram "o que pensa o POVO". Porque quando dizem isso, estão a pensar apenas nos seus interesses...

Cá por mim, até sou de opinião um pouco diferente.
Criem-se quantos clubes quiserem, mas o dinheiro é a dividir em função de um critério a estudar, e que seja justo. Logo depois, a "Natureza" encarregar-se-á do resto. Ou então acabem-se com os subsídios, e veremos então se o POVO vai pagar as quotas a tempo e horas, para os clubes honrarem os seus superiores interesses ou "compromissos"...
Eu preferia ainda, era que se diminuíssem essas transferências de subsídios, e dividia-se o restante em função de resultados a obter ou obtidos...
....
Em último caso, davam-se apoios à prática desportiva e formação humana, a ser desenvolvida na escola, porque tem gente formada e competente, etc etc e tem lá toda a gente a quem interessa dar formação...
Os restantes teriam uma de duas opçõs.
A) Ou são dos três grandes.. por isso paguem essas quotas ou instaelm a Sport TV em casa...
B) Pagavam as quotas do clube de Santana (o Sobrevivente) e então aí exigiriam transparência e resultados objetivos aos seus dirigentes.
É por isto que o nosso País está como está.. .é só subsídios....
Ah! Povo enganado... se soubessem e lessem o que por aqui é escrito....ui!
Cumprimentos a todos os participantes, que muito respeito.

Anónimo disse...

Desde quando é que o futebol e o futsal, são a mesma modalidade?

R.M. disse...

Quando referi que futsal e futebol eram a mesma modalidade, não foi por acaso que referi "mesma" por alguma razão, pois sabemos que não é, se bem que é semelhante e que é a mesma federação que trata da modalidade.

Alexandre Mendonça disse...

Antes de escrever seja lá o que for que ue possa pensar tenho que virar as atençoes para o excelente 3º comentário, infelizmente de um anónimo. Depois gostava de referir que pouco percebo eu acerca de junções de clubes e das vantagens que poderia trazer para a nossa "cidade". O que me parece é que a junção dos dois clubes do ponto de vista económico, como menciona o "ANÓNIMO" a que me refiro, seria de facto uma grande vantagem, subsidios só pra um, mais fácil de dividir. Ao mesmo tempo questiono-me será que iriam dar o subsídio que dão aos dois mas só a um deles?? nesse caso qual é a vantagem?? o dinheiro gasto é o mesmo, a oferta a nível desportivo menor. Será que em pleno século XXI continuamos com a ideia que todos têm que ser "Maradonas" e tem que ser futebolistas?? E mais grave ainda queremos ter uma equipa de futebol, referindo-me evidentemente á UDS, militando nos nacionais, sem ter nenhum titular que seja formado nas suas camadas jovens, e esperando que as pessoas continuem a ir ao seu estádio. Julgando eu existirem outros desportos mesmo dentro da UDS que sao mais representativos do clube e da terra, como é o caso do badminton. no caso do Santanese, julgo ser a Esgrima. Quanto o ao futebol depois de tanto dinheiro gasto tanto no futsal pelo Santanense como no futebol de 11 pelo Santana onde é que estão o títulos?? onde estão os benefícios económicos para Santana cidade, é pelas equipas que fazem a sua estadia no Hotel "O Colmo", o que já não é tudo mau pois sempre é algum dinheiro que acaba por ficar em Santana. Mas será por causa disso que se quer gastar tanto para ter uma equipa nos nacionais? Ou não seria melhor uma equipa à antiga nos regionais com gente da terra e com o estádio cheio?? Eu volto a referir que pouco percebo sobre estes assuntos e que posso não ter dito nada de importante, mas julgo que quando se analisa um facto destes existem muitos pontos que devem estar em linha de conta, eu referi alguns mas muitos outros certamente caíram no esquecimento. Quanto à frase "...é o que o povo pensa..." julgo que quem proferio essas palavras pela 1ª vez se referia á sondagem feita pelo BERDADES, não devendo nós generalizar.

Abraço a todos.