03 abril, 2008

82º Aniversário da Banda Municipal de Santana.

No próximo dia 6 de Abril - Domingo - a Banda Municipal de Santana comemora o seu 82º Aniversário, cujo programa consta do seguinte:
10.00 - Hastear das Bandeiras junto à Sede.
10.30 - Apresentação do novo fardamento.
11.30 - Concerto no Salão Paroquial de Santana acompanhado pelo Grupo Coral da Casa do Povo de São Roque do Faial.
13.00 - Convívio.

A par destas comemorações será também oficializado o novo site daquela instituição e que já poderá ser consultado em http://www.bmsantana.pt

9 comentários:

Casa do Povo São Roque do Faial disse...

Aqui ficam, desde já os nossos votos de muitas felicidades a todos quantos de uma forma ou de outra colaboram com a Banda Municipal de Santana.

Anónimo disse...

Os mais sinceros parabéns por mais um aniversário, de uma (de várias) Instituições de índole cultural. Outro exemplo de longevidade, nos últimos anos com exclusiva gente do Concelho, como eles orgulhosamente apelidam de "prata da casa".
Saúde e sorte, para poderem continuar o meritoso trabalho.
Parabéns, também às pessoas que compõem os seus Orgãos Sociais, em especial ao Sr. José Carlos, pelo trabalho que tem desenvolvido ao longo de muitos anos a esta parte. É pena que algumas instituições (parecem) não gostarem do Homem, porque desse modo ele mostra o que vale, com trabalho e sem "parla-pié". Ou será que o sucesso é só de Doutores e Engenheiros? :)
Saúde

antonio martins disse...

Parabéns á nossa banda(também ja la estive a 30 e tal anos atras)é uma musica que gosto muito de ouvir,,,,felizmente temos muitos jovens que vâo continuando e que a banda vai existir sempre,,,,parabens a todos e todas,os membros da banda,,um abraço xx

Anónimo disse...

Parabens a banda Municipal de Santana por mais um aniversario... espero que este ano o berdades nos faculte mais um video como no ano anterior :D estou curiosa para ver as novas fardas...

Anónimo disse...

é pena a populaçao de santana nao estar muito sensibilizada para a musica..muitos parabens a esta colectividade , em especial aos musicos porque sem eles nao haveria banda, ao chefe, a direcçao (sr jose carlos pelos 20 anos de presidencia), embora haja alguns habitantes de santana que desejam o encerramento desta banda e ate aconselham a alguns musicos a desistirem desta filarmonica.. mas que oposiçao rafeira que existe nalguns sitios.. é preciso valorizar o trabalho destes jovens porque nao sao nem 5 nem 6, mas sim uns 35. Recordo-me que ha 20 anos atras esta banda tocava com 10musicos da casa e os restantes do funchal.. hoje nao. Continuem assim!

F.F

Anónimo disse...

Muitos parabems a BMS... nao vou perder o voço concerto...continuem assim...são os maiores!

Anónimo disse...

Parabens pelos 82 anos de vida da coletividade e infelizmente 77 de ser banda Municipal à qual a Camara é de facto alheia, por razoes politicas ,se querem tomar conta da direcção apresentem-se as eleiçoes como fizeram no clube ,mas não havera viagens ao Continente de 15 em 15 dias.Aqui os dirigentes muitas vezes a que tem que adiantar dinheiro para a Bamda.

Anónimo disse...

Parabéns à Banda Municipal pelo seu aniversário.
Não percebo é qual é o problema com a Câmara, isto porque vi num boletim municipal a atribuição de um apoio para comprar a farda, se não estou em erro. É sinal que algum apoio deve haver. Claro que não é como para a UDS que é mais de 2000 contos por mês, fora outros apoios que a gente não sabe.

Anónimo disse...

Parabéns à B.M. de Santana por ter festejado o seu 82º Aniversário, assisti ao vosso concerto e quero salientar o bom gosto do vosso maestro para a escolha do repertório a apresentar, não só foi bem escolhido, como na sua maioria foi bem interpretado, é pena que a comunicação social estivesse mais preocupada com um circo que estava montado lá pelos lados do Madeira Shopping, mas não esmoreçam já estamos habituados a que a cultura sofra silenciosamente, ao vosso presidente reitero todos os meus parabéns pelo trabalho desenvolvido nestes últimos 20 anos, se houvessem pelo menos mais umas 10 bandas filarmónicas cujos presidentes tivessem a mesma visão e empenho na causa filarmónica as mesmas não estariam no estado lastimável que estão, pois a maioria deles só choram, mas quando é para meter mãos à obra são os primeiros a dizer cada um por si. Aos músicos espero que aproveitem as condições ímpares que essa banda tem para progredir no panorama musical e cultural madeirense. Muita sorte para o futuro.
Andarei por aí, a gente vê-se.