24 junho, 2008

Festejar São João.

Hoje é que é o dia e ontem é que foi festejado pela maioria das pessoas. Mas, na Fonte das Faias, em Santana, o São João começou já no Domingo (dia 22)pelas 14 horas.

Muita gente, muita animação e "comer e beber" de fartura. O prato típico não podia faltar: semilhas maçarocas e feijão e, claro, o atum. A acompanhar: vinho sêco da região. Presença notada e animada dum grupo de amigos que tocavam e (en)cantavam, no qual se destacava o lider regional do CDS/PP. Ontem, pelas avé-marias, foi o acender e saltar da tradicional fogueira e do "varrer dos armários". Para o ano há mais!

10 comentários:

Marta disse...

Estou a ficar admirado com o Povo de Santana, porque afinal mantém vivas as tradições que eu pensava que já tinham acabado. pelos vistos esta festa foi mesma rija e pela multidão só tenho a dar os parabéns aos organizadores e ao berdades por mais esta reportagem.
Viva o São João!

Santo Popular disse...

5****!
Um grupo e pêras e até bailarinas!! Assim é que o S. João gosta.

João disse...

A fonte das faias já tá a ficar muito afamada,qualquer dia ultrapassa a festa de Santo António, mas cuidado: convidem a Banda de Santana e não a do Arco!

Anónimo disse...

Bela Festa, ainda bem que há gente que organiza estas coisas, a vida não é só tristezas temos que saber também se divertir, continuem que para o ano temos lá outra vez.

antonio gouveia disse...

sim senhor muito bom ver caras que a muitos anos nao vejo. muito bem berdades. forca. grande festa quem me dera estar por esses lados.

santaneira muuito atenta disse...

Muitos parabens as organizadoras deste arraial. Foi um autentico arraial a portuguesa. Continuem com as boas tradições...

Anónimo disse...

Fabuloso! Bem mais animado que a festa de Santana, aqui parece tudo bem genuíno, nada de figurões a chegarem-se à frente. Parabéns a todos-

Cristovão Vares disse...

foi festa de São João ou comicio do cds‏

Nuno (Suiça) disse...

Fogo,, as Faias esta a ficar um sitio de festas!!! Quem me dera la estar!! Parabéns!!

Anónimo disse...

Foi simplesmente uma FESTA do POVO para o POVO, aqui não entra POLITIQUICES, todos os que apareceram vieram como pessoas normais e não conotadas com este ou aquele PARTIDO. O MAL de certas cabeças é não separar as "águas".

Aqui prevaleceu simplesmente o convívio e a boa disposição, foi o que pude observar, comer e beber.

Para o ano lá estou outra vez.

Manuel João - Funchal