24 maio, 2009

Os altos e baixos que a VIDA nos tece!

Mas é nestes momentos mais baixos, deste desconhecido destino que nos prega sustos valentes; que nos deixa perplexos sem saber sequer pensar como racionais; que batemos com a cabeça em cima da mesa e nos questionámos: E agora?
Mas tenho a ESPERANÇA toda do mundo que o meu AMIGO Élvio Andrade recuperará a seu tempo destas partidas madastras que a vida nos prega, porque a força de vontade dele é tão grande quanto o seu coração e brevemente estaremos sentados frente a frente p'ra confraternizarmos e partilharmos do Seu "porreirismo".
FORÇA AMIGO!

4 comentários:

Anónimo disse...

É nestas circunstâncias que, como amigos, nos sentimos impotentes, não havendo nada que possamos fazer, senão ter a "esperança" que apesar da desgraça, a recuperação seja favoravél e que daqui a uns dias estejamos todos juntos a confraternizar, e a apoia-lo, pois ele estava sempre pronto a ajudar fosse quem fosse, nunca dizendo não. Á familía neste momento delicado muita fé, ao amigo "Andrade"...força e...rápidas melhoras

JMRA

antonio martins disse...

Tambem quero desejar as rapidas melhoras a este nosso AMIGO ELVIO,temos esperanca que ele recupere o maximo possivel e que possamos nos encontrar na lubriana,ou ainda na ribeira de s.jorge,como era costume alguns sabados a noite,,a cerca de 1 mes la estivemos e tirei fotos,e la estava ele entre outros no convivio com muita alegria,,,as rapidas melhoras,fe em DEUS,,e um abraco amigo..

RG disse...

As vezes deitamos em nossa cama
Dormimos um sono agradável
E quando acordamos tantas coisas mudaram!
Encontramos tudo remexido, bagunçado.
Nem ao menos podemos por os pés no chão...
Perdidos em nosso próprio espaço,
Procuramos respostas e ninguém as tem!
Procuramos saídas e parece que são insistentes!
Uma sensação de desespero parece querer tomar o coração.
Dúvidas, incertezas, sentimento de impotência.
Diante da vida, diante de fatos de acontecimentos.
É como se uma alta onda, do grande mar da vida quisesse nos cobrir.
É como se a fúria das ondas
Em uma grande tempestade em alto mar quisesse nos engolir.
Mas será que já paramos pra pensar que essa não é a primeira vez?
Quantas ondas se levantaram?
E com a mesma intensidade baixaram e estamos aqui!!!!
Se olharmos para trás iremos ver que
Muitas grandes ondas nos cobriram
E mesmo parecendo sem forças conseguimos remar.
Muitas vezes contra a correnteza!!!
Naquele momento parecia que íamos naufragar,
Mas aqui estamos novamente pra novas ondas enfrentar.
E todas elas nos deixaram uma lição,
Um aprendizado...
Uma experiência...
Portanto seja qual for a onde que se levantou amigo Élvio
Reaja!!!
Persista!!!
Não desista!!!
Essa é apenas mais uma onda da vida!!!
E toda tormenta do mar tem hora pra levantar
Mas também tem hora de baixar!!!
E em breve o céu clarificará!!!
Ao amigo Élvio....
e à sua Família

Anónimo disse...

Hoje além de um grande Amigo , perdemos um grande Homem em toda a sua magnitude. Vamos ter Fé e acreditar que lá no céu ele estará sempre a nos acompanhar, porque cá na terra ele nunca será esquecido e terá sempre um lugar nos nossos corações.Um grande abraço e os meus sinceros pêsames a toda a sua famíla. A Ti, Élvio, Muito Obrigado pela oportunidade de te ter conhecido e ser teu Amigo. Nélio Mendonça