26 julho, 2010

Reportagem fotográfica da festa.

Como habitualmente temos vindo a fazer, a reportagem fotográfica da Festa em honra de Santa Ana que se realizou este fim de semana, [Sábado à noite e Domingo] na paróquia de Santana poderá ser vista aqui.

9 comentários:

Anónimo disse...

Não vou falar de bandas nem de nada disso, só quero dar um concelho aos senhores organizadores da festa de Santa Ana, como é que se gasta tanto dinheiro em dois artistas que ninguém conhece, e penso que com menos dinheiro traziam alguém que pelo menos fosse conhecido, digo que não é assim que vão cativar as pessoas, e também os amigos da musica já estão a passar da moda, já é tempo de inovarem porque esses senhores só sabem cantar brasileiro e o som tava também muito a desejar, já é hora de mudar e ver se o dinheiro que todos nós pagamos é bem aproveitado e se não sabem organizar que tirem um curso, a festa de santa ana é uma repetição dos anteriores todos os anos é a mesma coisa. Mais digo se a direcção da confraria não sabe organizar que peça ajuda a pessoas de fora da direcção que deve de haver algum irmão da confraria de Santa Ana que tenha mais capacidade para organizar a festa que esses senhores.Isto é só uns avisos porque qualquer ano que passa depois da prosissão são poucas as pessoas que ficam para a festa porque não há nada que as cative para ficar lá.
É tudo por hoje, mas pensem bem.

Irmão da Confraria disse...

Começo por elogiar o excelente trabalho fotográfico aqui publicado, realmente para quem está emigrado pode contemplar a festa e matar saudades. Os pormenores de toda a festa ficaram bem retratados e acessível ao mundo. Parabéns ao Berdades.
Quanto à festa em si de facto já não bastava a asneira na "adjudicação" da banda por parte da rua dos Nétos, foi triste para os artistas actuarem sem ninguém a ver e logo o artista Gabriel que ate parece que terá sucesso um dia, mas ninguém conhecia a musica dele e mesmo com 60 ou 70 pessoas a assistir nem palmas davam e depois mais humilhante quando acabou retiraram-se como é da praxe esperando que o publico pedisse mais mas nem isso...e lá voltou ao palco como que tivessem insistido para ele cantar mais.
Para quem actua assim nestas condições (sem público e o que tá não gosta) é frustante!
Não se culpe a festa do PPD porque a actuação do Gabriel foi às 10 da noite.
Quanto ao outro artista de Sábado não me posso manifestar porque não assisti, mas pelo que disseram-me que tinha mais pessoas do que no domingo, mas que ficou muito aquém.
Reflitam e deixem-se de ser arrogantes porque julgo que haverá artistas/cantores regionais que chamariam muito mais pessoas à festa.

Anónimo disse...

Ora bem, alguns criticam, outros elogiam, como em tudo na vida, não se pode agradar a toda a gente. Não sou de Santana, mas aí estive, nas festividades e, a não ser o que se vê por aqui, ninguém de fora consegue imaginar o que se passou. Acho muito mal tanto mal dizer e seja lá quem for que esteja na organização irá sempre desagradar a uns e agradar a outros, sempre foi assim, em todo o lado. Acho que o essencial da Festa, não é a banda, os conjuntos musicais e todas essas coisas que apesar de animarem, não são o cerne nem o objectivo das festividades. A todos, muitos parabéns. Para mim, muito mais do que as bandas, conjuntos, valeu as missas, com uma igreja muito bonita, a procissão muito linda, com as flores a espelharem a alma de quem as pôs ali, no chão tornando um tapete fantástico. Em boa verdade, numa festa em honra da Padroeira, quiz-me parecer que ela foi quem menos importou, infelizmente. Aos membros da organização, aos festeiros, muitos parabéns! Ao povo de Santana, que tanto admiro, não se voltem para futilidades. As coisas foram assim porque se calhar, tinham de ser e antes de criticar o que e seja quem for, primeiro convém ouvir as duas partes... Um forte abraço para Santana.

Anónimo disse...

Ao senhor anónimo que não fala em bandas e que dá conselhos, porque se fossem bons vendia-os em vez de dar, realmente é cada vez menos as gentes que ficam domingo à noite, mas olhe, esse problema, não foi este ano...já se arrasta há muito tempo...também não vamos agora bater na confraria porque esse fenomeno, já acontece desde muito antes de aqueles senhores lá estarem.

Anónimo disse...

Bonita fotos as quais traduzem bem o que se passou durante o fim de semana. Parabéns

Crente disse...

Gostei do anónimo que diz:
"muito mais do que as bandas, conjuntos, valeu as missas, com uma igreja muito bonita".
Lá a igreja estava bonita sim senhores e também a procissão.
O que parece é que também dentro da igreja o povo não abundou como abundava. Eu não estive lá mas após o comentário tive a curiosidade de olhar para as fotografias e reparei que em alturas de festa de Santa Ana ninguém se mexia dentro da igreja com tanta gente de pé nas ilhargas e no côro. Lembram-se disso?
Pois então reparem nas imagens e vejam por exemplo no côro com meia dúzia de pessoas e até na porta da igreja não estava ninguém!!!
Sinais de crise na missa? Será?
PS - A melhor foto vai para o ex-presidente do clube vestido de vermelho que até parece um santo no altar!

Ceregi disse...

Bonitas fotos numa excelente reportagem que retratou o que se passou em Santana. O tapete para a procissão estava mágnifico!Uma palavra de apreço a todos os voluntários que ali colaboraram!
Quanto ao resto, digamos que foi uma festa pautada pelo mote "Ser Diferente!" (banda e artistas diferentes, até para carregar o andor foi... diferente!)

Anónimo disse...

Ao anónimo, que diz que a igreja estava vazia, um apontamento: Noutros tempos, a igreja enchia, na senhora santa Ana, no Santissimo etc, etc. Muito porque, antigamente, as pessoas andavam mais ligadas à igreja. Olhe que tanta gente ficou na rua, e isto não é uma critica, é só uma constatação, como dizia, ficou lá fora, na conversa...gente nova...na altura dos mais idosos, é verdade que alguns escapavam pa beber o seu quarto de litro, mas voltavam...hoje em dia, não é bem assim...e tudo tende a mudar, os tempos dos avós, dos pais, eram outros...sabe, tudo isto são "sinais dos tempos"...

silvia_vdfr disse...

Bonitas fotos que trazem um pouco da festa de Santana aos madeirenses, como eu, que se encontram bem longe...
Gostei das novidades, sobretudo o novo carregar do andor lol !!! Ficou original !